Por Cristina Padiglione | Saiba mais
Cristina Padiglione, ou Padi, é paga para ver TV desde 1990, da Folha da Tarde ao Estadão, passando por Jornal da Tarde e Folha de S.Paulo

‘Não aceitarei mais ordem de homem’: Claire Underwood e o fim de ‘House of Cards’

Robin Wright como Claire Underwood: resistência a pressões e protagonismo feminino na Casa Branca - nem que seja só na ficção / Divulgação

Enquanto o Brasil se ocupa das eleições presidenciais da vida real, a Netflix põe em campo o trailer oficial da sexta e última temporada de sua primeira grande série original, “House of Cards”.

Vencedora do Globo de Ouro e indicada ao Emmy, Robin Wright retorna como presidente dos Estados Unidos em tom de absoluto protagonismo feminino. Depois que Frank, o marido, foi ejetado da cadeira em razão dos escândalos sexuais envolvendo Kevin Spacey, Claire se mostra destemida e resistente em ceder a pressões externas. Uma das falas do trailer avisa que ela não mais aceitará ordem de homem algum.

“Francis”, como ela se refere ao marido, será evidentemente citado em cena e terá seu desaparecimento devidamente justificado.

Os oito episódios que compõem esta última safra chegam à plataforma no próximo dia 2, feriado de Finados.

Juntam-se ao elenco, agora, Diane Lane, Greg Kinnear, Cody Fern, Michael Kelly, Jayne Atkinson, Patricia Clarkson, Constance Zimmer, Derek Cecil, Campbell Scott e Boris McGiver.

 

Curta nossa página no Facebook e siga-nos no Twitter

Cristina Padiglione

Cristina Padiglione

  • sem tags para o post