Por Cristina Padiglione | Saiba mais
Cristina Padiglione, ou Padi, é paga para ver TV desde 1990, da Folha da Tarde ao Estadão, passando por Jornal da Tarde e Folha de S.Paulo
Minha novela

Aguinaldo Silva promete lobo de verdade, e não metafórico, em sua nova novela

Aguinaldo Silva entre seus dois Emmy

Ainda na Europa, onde acelera os primeiros capítulos de “Enquanto o Lobo Não Vem” (título provisório) de sua próxima novela, Aguinaldo Silva já tem pronta a sinopse prometida à Globo para ocupar o lugar que seria de “O Sétimo Guardião”, novela engavetada por precaução jurídica – um ex-aluno do curso de roteiristas promovido pelo autor, Silvio Cerceau, reivindica crédito de coautoria na história.

E adianta ao TelePadi que sua novela terá de fato um lobo, nada metafórico. Em “O Sétimo Guardião”, Aguinaldo teria um gato em cena, bicho que se transformaria em personagem no decorrer da trama.

“Enquanto o Lobo não Vem” está prevista para substituir “De volta para casa”, de João Emanuel Carneiro, no segundo semestre de 2018.

Segundo meu mestre, Flávio Ricco, há a possibilidade ainda de a Globo antecipar a novela que Manuela Dias prepara para estrear como titular do horário, sob direção de José Luiz Villamarim, o que adiaria em mais uma temporada a volta de Aguinaldo. Seria uma reserva de cuidado da Globo, enquanto aguarda a nova sinopse de Aguinaldo que, de todo modo, tem prazo até novembro para entregar o resumo da nova história.

Lilia Cabral é nome certo no elenco. assim como alguns dos outros atores antes escalados para “O Sétimo Guardião”.

Aguinaldo não enterrou de vez “O Sétimo Guardião” e ainda pretende retomar seu enredo, em outra oportunidade. O adiamento da produção atende à precaução de ganhar prazo para resolver a questão de coautoria ou não na Justiça, sem oferecer riscos à produção do folhetim.

Curta nossa página no Facebook e siga-nos no Twitter

Cristina Padiglione

Cristina Padiglione