Por Cristina Padiglione | Saiba mais
Cristina Padiglione, ou Padi, é paga para ver TV desde 1990, da Folha da Tarde ao Estadão, passando por Jornal da Tarde e Folha de S.Paulo
Jornalismo&Doc

100 anos: Canal Curta! apresenta documentários inéditos sobre a Revolução Russa

Ao centro, Gorky e Lenin, no único retrato em que posaram juntos, adulterado por Stalin (que mandou apagar da foto os demais): imagem do documentário francês 'Construindo a Revolução'

O Canal Curta! traz no centenário da Revolução Russa uma boa dose de conteúdo inédito sobre um dos episódios que mais afetaram o século passado.

“1917 – Construindo a Revolução Russa” está disponível no NOW, plataforma de vídeo sob demanda da NET, para assinantes Claro e NET. Dirigido por Stan Neumann, o documentário da Arte France revela a teoria e a prática das ideias propostas pela revolução por meio das narrativas de dois de seus principais personagens: Maxim Gorky e Vladimir Illyich Lenin. Para tanto, recorre a recursos de animação e revela arquivos exclusivos, mergulhando no calendário de fevereiro a outubro de 1917, dia após dia.

Outro programa disponível no NOW é a série “Adeus Camaradas”, em seis episódios, que já estreou na última semana e vai ao ar todas as terças, pelo próprio Curta!, às 19h. Aqui, os diretores Andrei Nekrasov e Jens apresentam uma perspectiva sobre a ascensão e a queda do império soviético a partir de documentos pessoais e imagens de arquivo, além dos registros capturados por eles em 12 países europeus.

Ainda na programação linear, o canal exibe no dia 10 de novembro, às 23h, o longa-metragem “Sexta da Sociedade”, também oportuno para o centenário.

A Revolução Russa, um dos mais importantes marcos históricos do mundo contemporâneo, levou à tomada de consciência do povo, derrubou um rei e a monarquia, e deu origem ao primeiro país socialista do mundo, a União Soviética. A programação agora trazida pelo Curta! visa a esclarecer todo o processo que levou alguns meses de conflitos, lutas, debates de ideias e seus personagens.

Curta nossa página no Facebook e siga-nos no Twitter

Cristina Padiglione

Cristina Padiglione